Nosso Blog é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox.

Pesquisar este blog

Carregando...

Total de visualizações de página

Google+ Followers

Translate

Perfil

Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Cláudia Andréa Prata Ferreira é Professora Doutora - Categoria: Associado III - do Setor de Língua e Literatura Hebraicas do Departamento de Letras Orientais e Eslavas da Faculdade de Letras da UFRJ.

Seguidores

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Geografia mítica da umbanda: usos e apropriações simbólicas dos espaços urbanos

Espaço & Geografia, Vol.10, No 1 (2007), 23:49 - ISSN: 1516-9375

Geografia mítica da umbanda: usos e apropriações simbólicas dos espaços urbanos

Sulivan Charles Barros (UNIEURO – Programa de Mestrado em Ciência Política com foco em Direitos Humanos, Cidadania e Estudos de Violência

Resumo: Os terreiros afro-brasileiros são considerados como espaços sociais, míticos, simbólicos, onde a natureza e seus fiéis se unem para viver uma realidade diferente daquela que o cotidiano ou a sociedade lhes apresenta como o real, na qual as pessoas que o constituem acreditam. São vistos como lócus da força vital que pode ser conservada, manuseada e transmitida. Suas instalações estão impregnadas do simbolismo religioso e são tidas como extensões da essência vital de suas “entidades” patronas vinculada ao modo de vida urbano, na construção de suas organizações e discursos subalternos e no confronto histórico de suas crenças. >>> Leia mais, clique aqui.

Nenhum comentário: