Nosso Blog é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox.

Pesquisar este blog

Total de visualizações de página

Google+ Followers

Translate

Perfil

Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Cláudia Andréa Prata Ferreira é Professora Doutora - Categoria: Associado III - do Setor de Língua e Literatura Hebraicas do Departamento de Letras Orientais e Eslavas da Faculdade de Letras da UFRJ.

Seguidores

terça-feira, 11 de março de 2008

China quer usar Religião para promover harmonia social

Pequim, 03 mar 2008 (RV) - A China quer usar a religião para promover a harmonia social, disse hoje Jia Qinglin, do governo chinês, em seu discurso de abertura da sessão anual da Conferência Política Consultiva do Povo Chinês (CPPCC).

"Devemos aplicar plenamente a política de liberdade religiosa, guiar os líderes religiosos e os fiéis e fazer uso de suas funções positivas na promoção da harmonia social", ressaltou Jia.

Essas declarações foram feitas no momento em que circulam notícias sobre um possível melhoramento nas relações entre a China e a Santa Sé, extintas desde 1951.

Nos últimos anos, tem-se verificado na China um grande crescimento das religiões, com milhares de pessoas praticando o budismo, o taoísmo e o cristianismo.

Segundo alguns observadores, os cristãos chineses, entre católicos e protestantes, já são mais de oitenta milhões. Pouco mais de quatro milhões de chineses aderem à Associação Patriótica Chinesa, que reconhece o governo de Pequim, e não o Vaticano, como autoridade suprema. Os católicos que seguem a Santa Sé são cerca de oito milhões. (MJ/BF)

Nenhum comentário: