Nosso Blog é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox.

Pesquisar este blog

Carregando...

Total de visualizações de página

Google+ Followers

Translate

Perfil

Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Cláudia Andréa Prata Ferreira é Professora Doutora - Categoria: Associado III - do Setor de Língua e Literatura Hebraicas do Departamento de Letras Orientais e Eslavas da Faculdade de Letras da UFRJ.

Seguidores

domingo, 4 de dezembro de 2011

''Para existirem hoje, as religiões devem existir na mídia''. Entrevista especial com Stewart Hoover

IHU (04/12/2011): ''Para existirem hoje, as religiões devem existir na mídia''. Entrevista especial com Stewart Hoover: A experiência da religião e da espiritualidade hoje ocorre através da mídia. Ao mesmo tempo, as instituições religiosas formais perderam influência e importância para muitas pessoas. Perante esse aparente paradoxo, Stewart Hoover, professor de Estudos de Mídia da Universidade do Colorado em Boulder, nos Estados Unidos, explica que as religiões “não podem mais controlar as formas e os lugares em que as pessoas experimentam a religião, celebram a fé e exploram a espiritualidade”. Em entrevista concedida por e-mail à IHU On-Line, Hoover afirma que “as pessoas estão muito mais envolvidas na criação, na adaptação e no refazimento de símbolos e valores religiosos”, fenômeno que é ampliado pelas mídias sociais e digitais. Por isso, “para existir hoje, uma instituição deve existir na mídia” - incluindo as instituições religiosas. E, aqui, outro paradoxo se assoma: as Igrejas que forem mais ativas midiaticamente irão enfrentar seus próprios desafios, “já que a esfera midiática faz suas próprias exigências, e elas não podem controlar todas as formas pelas quais seus programas e mensagens são distribuídos e consumidos”. Nesse contexto, é preciso que as Igrejas repensem seus papéis de autoridade e se acostumem “a fazer parte de um ‘mercado de escolha’ cultural nas esferas material e midiática. Elas não controlam mais o mistério”, resume. Stewart M. Hoover é professor de Estudos de Mídia da Escola de Jornalismo e Comunicação de Massa da Universidade do Colorado em Boulder, nos Estados Unidos, onde dirige o Center for Media, Religion, and Culture (cmrc.colorado.edu). Mestre e doutor pela Annenberg School of Communications da Universidade da Pensilvânia, foi também pró-reitor da Temple University, na Filadélfia. Dentre outros, é autor de Religion in the news: Faith and journalism in American public discourse (Sage, 1998) e Religion in the Media Age (Routledge, 2006). É ainda membro do conselho editorial da revista Media and Religion e copresidente fundador do Programa de Religião, Cultura e Comunicação da American Academy of Religion. Confira a entrevista. >>> Leia mais, clique aqui.


Veja mais:

Nenhum comentário: