Nosso Blog é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox.

Pesquisar este blog

Carregando...

Total de visualizações de página

Google+ Followers

Translate

Perfil

Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Cláudia Andréa Prata Ferreira é Professora Doutora - Categoria: Associado III - do Setor de Língua e Literatura Hebraicas do Departamento de Letras Orientais e Eslavas da Faculdade de Letras da UFRJ.

Seguidores

sábado, 11 de julho de 2009

A doutrina espírita e as mulheres

Revista Brasileira de História das Religiões (Número 3 – Janeiro/2009): A doutrina espírita e as mulheres: RESUMO: Objetivos: Este estudo analisa o papel que as mulheres desempenham no seio da Doutrina Espírita, comparando-o com as principais denominações religiosas dentro do Cristianismo. Metodologia: pesquisa bibliográfica, a partir da contribuição de autores da Teologia Feminista, da Filosofia, da Psicologia, da História e da Doutrina Espírita. Resultados: A crítica da Teologia Feminista recai sobre a visão misógina e andrógina – fruto da mentalidade patriarcal - empregada na valoração e interpretação do papel das mulheres tanto nos textos sagrados, como no tratamento dispensado a elas pela Igreja de Roma e demais igrejas surgidas pós Cisma e Reforma. Conclusões: O estudo mostra que, em analogia às demais crenças cristãs, para os adeptos desta Doutrina, não há prerrogativas de um sexo sobre outro devido à crença na palingenesia (reencarnação), o que facultaria ao mesmo Espírito em evolução, encarnar em corpos de diferentes sexos; e pelo fato de que não há uma classe sacerdotal, prerrogativa de poder para os homens.


Veja mais:

Nenhum comentário: