Nosso Blog é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox.

Pesquisar este blog

Total de visualizações de página

Google+ Followers

Translate

Perfil

Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Cláudia Andréa Prata Ferreira é Professora Doutora - Categoria: Associado III - do Setor de Língua e Literatura Hebraicas do Departamento de Letras Orientais e Eslavas da Faculdade de Letras da UFRJ.

Seguidores

domingo, 23 de março de 2008

Os Protestantes: Revista História Viva - Grandes Temas – Edição Especial

Revista História Viva - Grandes Temas – Edição Especial
Edição Número 20 – Os Protestantes

No século XVI, um grupo de cristãos inconformados com os rumos que a Igreja havia tomado no final da Idade Média começou a pregar o retorno aos ensinamentos originais de Jesus. Esses homens defendiam que o verdadeiro caminho da fé estava nas próprias palavras da Bíblia, e não na instituição corrupta representada por boa parte do clero da época. Em 1517 a insatisfação assumiu uma expressão concreta na forma das 95 teses que Martinho Lutero pregou na porta da catedral de Wittemberg. Começava, assim, a Reforma, o movimento religioso que iria provocar a maior ruptura do cristianismo ocidental, dando origem a uma nova fé: o protestantismo. Esta edição de História Viva Grandes Temas conta a trajetória da religião que desafiou a autoridade do papa, abriu caminho para o desenvolvimento do capitalismo, contribuiu para a formação das nações modernas e popularizou a escrita e a leitura. Saiba também como o protestantismo chegou ao Brasil e conquistou corações e mentes a ponto de se tornar a religião que mais cresce no país atualmente.

SUMÁRIO

ABC DA REFORMA
Os principais símbolos, rituais, instituições e conceitos do universo protestante

CONTEXTO
O humanismo e a revolução no pensamento ocidental que lançaram as premissas da Reforma

ANTECEDENTES
A crise da Igreja medieval que levou os fiéis a questionar a autoridade dos padres católicos

A RUPTURA
Quem eram e como pensavam os homens que desafiaram o papa e redefiniram o cristianismo no século XVI

A REAÇÃO
Como os teólogos católicos responderam à Reforma reafirmando os princípios da Igreja de Roma no Concílio de Trento

BATALHA DE IDÉIAS
O papel do livro na divulgação das idéias protestantes e como forma de resistência à perseguição católica

O CHOQUE
A chegada do protestantismo à França e a reação da comunidade católica, que levariam às guerras religiosas do final do século

XVI
A GUERRA

Na França, o confronto entre católicos e protestantes que culminou com o massacre da Noite de São Bartolomeu

A TRÉGUA
A assinatura do Édito de Nantes em 1598 põe fim às guerras religiosas e garante um breve período de liberdade para os protestantes franceses

O PIONEIRISMO
Como a ética calvinista abriu as portas para o desenvolvimento do capitalismo e lançou as bases da economia moderna

AS METAMORFOSES
No século XVIII, os protestantes da América do Norte fundam as primeiras comunidades evangélicas

PROTESTANTISMO NO BRASIL
A chegada dos primeiros missionários no século XIX e o fenômeno das igrejas pentecostais que se espalham pelo país desde a década de 50

FUTURO INCERTO
Diante da globalização, os protestantes do Velho Mundo tentam se adaptar à realidade da União Européia

PONTO FINAL
O protestantismo e a cultura brasileira, por Alderi Souza de Matos


Nenhum comentário: